Devemos sempre estar atentos aos nossos sonhos, eles podem dar algumas dicas e mostrar com o que andamos nos preocupando ou revelar como estão nossos sentimentos, ou ainda: o que o futuro pode estar preparando nós!

O que significa sonhar

Acredita-se que havia intérpretes de sonhos nas cortes reais das primeiras civilizações. Mais tarde, o austríaco Sigmund Freud e seu sucessor Carl Jung revolucionaram nosso entendimento sobre o mundo dos sonhos. Desde então, muito tem sido estudado sobre esse campo.
Freud também concluiu que durante o sonho todos os nossos desejos frustrados, emoções, pensamentos que não foram liberados durante o dia são libertados por nossa mente inconsciente. Isso são os nossos sonhos segundo Freud.

Já o psiquiatra suíço Carl Gustav Jung, baseado na observação dos seus pacientes e em experiências próprias, tornou mais abrangente o papel dos sonhos, que não seriam apenas reveladores de desejos ocultos, mas sim, uma ferramenta da psique que busca o equilíbrio por meio da compensação. Ou seja, alguém masculinizado pode sonhar com figuras femininas que tentam demonstrar ao sonhador a necessidade de uma mudança de atitude.
Ao contrário de Freud, as situações absurdas dos sonhos para Jung não seriam uma fachada, mas a forma própria do inconsciente de se expressar. Para o mestre suíço, há os sonhos comuns e os arquetípicos, revestidos de grande poder revelador para quem sonha. A interpretação de sonhos é uma ferramenta crucial para a psicologia analítica, desenvolvida por Jung.