Ouvir Deus com atenção

“Noé era homem justo, íntegro entre o povo da sua época, ele andava com Deus. (Gênesis 6,9)


Gênesis conta que Noé andava com Deus. Que linda maneira de dizer que ele viveu atento à presença do Pai. Mais que isso, Noé obedeceu, mesmo quando Deus lhe mandou fazer algo estranho: “Você porém fará uma arca” (Gn 6,14)

Que coisa monumental construiu em terra seca! Quantos insultos ele deve ter suportado. No entanto, não abandonou a tarefa. Hebreus 11,7 menciona Noé entre os heróis da fé. A frase ” andava com Deus” revela alguém que dependeu da fidelidade de Deus por décadas, superando a corrupção que o cercava.

Com excessão de sua família, Noé foi o único que defendeu a causa de Deus em sua cultura. Séculos depois, Jesus descreveu o povo da época: “Pois nos dias anteriores ao Dilúvio, o povo vivia comendo e bebendo, casando-se e dando-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca, e eles nada perceberam, até que veio o dilúvio e os levou a todos.” Como nos dias de Noé, o ruído dos afazeres pode sufocar a voz de Deus.

Orar é mais que falar com Deus. Muitos de nós apresentamos uma lista de pedidos e depois corremos para a próxima tarefa. Como seria se reservássemos tempo não só para falar com Deus, mas também para ouvi-lo? E se decidíssimos obedecer, sem levar em conta as zombarias?

Você quer andar com Deus? Então, ao orar, ouça a voz Dele. Talvez ele o conduza em outra direção, com um novo propósito e uma coragem até então desconhecida.

“Querido Deus, ajuda-me a viver sentindo a tua presença. Quero que meu relacionamento contigo seja tão forte, que outras pessoas reconheçam a presença do teu Espírito em mim. Sempre que eu orar, ajuda-me a ouvir tua voz falando ao meu coração. Amém!”